Uma pose empírica social

Imagem

Às vezes falar de cabelo, maquiagem, moda e cupcake parece um tanto fútil, clichê ou sem noção. Sinceramente, isto pouco me importa, algumas discussões não chegam sempre ao além, e ficar rodando em volta de opiniões é um labirinto digno ao Schönbrunn, na Áustria. Quem já frequentou discussões acaloradas de idealistas em aulas de sociologia, comunicação e política sabe o que digo. Dos tribunais aos corredores políticos estão os Minotauros.

Enfim, é mais digno falar de cabelo do que qualquer outra coisa? Alienado fica é quem acha que só a sua informação é importante. Ser por inteiro, político ou consciente está muito além das palavras. Vou ser sincera, recebi uma mensagem crítica de uma pessoa que nem conheço, ” é um tanto complicado que várias pessoas usam a internet para falar de cabelos enquanto muitos perdem os cabelos por situações maiores” Entre todas as coisas ele não gostou de um artigo que coloquei criticando as manifestações de rua. Nossa! Sério?! Tresloucado amigo que consciência é de alguém julgar os outros pelos cabelos. Juro que discutiria várias coisas contigo de um shampoo novo que experimentei a Émile Durkheim, talvez de Kant a Fidel. Mas não vou mesmo para rua quebrar a cidade, bloquear o trânsito e achar que isso vai mudar alguma coisa, se a minha atitude for só palavras. Acredito que é até mais útil falar de cabelos do que achar que ser político, intelectual ou qualquer coisa é falar, escrever, compartilhar frases, situações não sabendo o que estou falando, ou só para me sentir superior aos outros.

A crítica é ótima e bem-vinda, como diz uma amiga minha promotora de justiça, mas ao falar de algo ao menos não tome cuidado de ensinar a receita de pão como se fosse de rosca para o padeiro que está acordado antes da cinco da manhã. Sem ser esnobe, não julgue alguém pelos seus cabelos, tão pouco pela world wide web.

E falando em cabelos,: ), dá para manter eles bonitos até com um sol de verão, praia, rio ou cachoeira, poluição e outras coisas mais. As dicas são simples e fáceis de usar.

– Recorra a um bom shampoo, mas mesmo os bons diluídos antes de usar, ainda nas mãos com um pouquinho de água. Estas dicas de salão de beleza mesmo. Produto específico (cabelos secos, tingidos, coisas assim).

– Hidratação, no  mínimo uma vez por semana

– Hidratação é de dentro para fora, água é essencial sempre tomar

– Não use tanto a chapinha, nem tanto o secador, use produtos termoprotetores

– Alimentação saudável é essencial para uma pele e cabelo saudáveis, sabe as vitaminas ( complexos vitamínicos) são excelentes para manter unhas bonitas, cabelo com bom crescimento e até mesmo peso sobre medida. Diminua o açúcar, a gordura, alimentos industrializados em excesso ( como o penoso refrigerante), sal e claro a arrogância, achismos e falsos moralismos.

E este foi mais um artigo sobre cabelos : ). Lembrando que uma dona de casa, uma garotinha que gosta de moda, ou um intelectual (pseudo ou não) tem a mesma função social e moral em um organismo conglomerado chamado de humanidade, civilização ou como queira apresentar.

Um retrato politizado, até um selfie pode ser : )!

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s