Selfie e os contraversos às avessas

Imagem

De Rembrant a Bieber, a análise do site Público de Portugal foi uma das minhas preferidas da notícia da escolha da palavra “selfie” pelo dicionário Oxford, para representar o ano de 2013. Rastreamento revelam que houve um aumento de 17000%, principalmente por usuários de redes sociais.

Quem não tira um autorretrato usando o móbile, a câmera fotográfica… muita gente, inclusive eu. Outros artigos já haviam falando nesta tendência, alguns relacionando ao crescimento do uso de redes sociais, ao mesmo tempo dos índices de “solidão” real de muitas pessoas. Acredito nisso, está conectado o tempo todo não é sinônimo de sociabilidade. E que mais para se falar do “selfie”, que tantos tem realmente se preocupado tanto só contigo e esquecendo o mundo, como se o mundo fosse só o eu.

Tirar um “selfie” é errado, perigoso ou insocial… não exclusivamente, importa que o sorriso no rosto seja realmente sincero. Porque é legal conhecer o mundo, porém legal é partilhar da imensidão que a amizade e demais relações humanas podem proporcionar. E não é pecado se autorretratar, mas se for feliz que seja real, porque na tela da vida importa é isso, uma boa obra de arte é prima se for original, claro “cheia de sentimentos”.

Olha a pose gata, atitude não é carão, personalidade tem que vir do coração.

Imagem

Estas redes sociais e suas novidades … reais ou totalmente fakes

 

Advertisements

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s