Medo de não ter os pés no chão

Imagem

“Eu não vou parar, a estrada é muito longa vou continuar
Mesmo em meio às lutas, eu não estou só e te sinto aqui
A vida é mesmo assim, tantas aflições eu tenho que enfrentar
Mas o Senhor está sempre a me proteger te sinto aqui
Quando o vento sopra contra mim
Os problemas tentam me abater
Eu me lembro, o grande Eu Sou me enviou.”

Vou dividir um grande segredo, tenho medo, fobia, pavor de altura. Complicado mesmo, tenho isto desde pequena, antes também na infância tinha medo de fogos de artifícios, chorava intensamente, tremia. chegava a desfalecer. O medo dos fogos passou, já vi queimas imensas, chego a contemplar, mas com altura é ainda complicado. Algo de evitar sacadas, pontes, colinas, helicóptero e outros. Mas entre ter a melhor visão decido segurar a ansiedade, respirar um pouco mais leve e prosseguir passo a passo.

Já imaginou fazer um treinamento numa academia militar com medo de altura, imaginou ter que por compromisso profissional encarar voo, pular em altura, passar os próprios limites. Nem sempre é simples, mas às vezes o ar ficar rarefeito em situações muito mais básicas do que rapel numa corda bamba, conseguir se concentrar numa altura acima de cem metros. Por coisas menores o coração pode bater mais forte.

A melhor forma de enfrentar o medo de altura não foi a máxima, não olhar para baixo, foi não olhar para trás. Pensar que a vista lá de cima sempre mais ampla, ter foco no adiante. E vão se os desafios. A fobia ainda existe, você que aprende a lidar com ela, quando se tem um foco.

Não me interessa escalar uma montanha destas enormes, virar alpinista, tão pouco fazer rasante com asa delta (não me convide), até porque me basta saber que o avião vai me levar a lugares magníficos para se desvendar, uma, duas, três vezes ou mais, com as aeronaves maiores já me sinto bem, mais acolhida.

Não me importa o topo, mas me basta saber que com um passo de cada vez eu consigo chegar, isto me interessa e vai ser sempre meu foco.  E acima de tudo, Deus sempre está para me ajudar. Não pretendo mesmo ser alpinista, mas sei que não limite maior do que este dos “medos” para tirar o ar dos pulmões e o bom pulsar do coração. É que medo tolo este, de altura : ), aff, mas é um tanto horrível sentir os pés fora do chão.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s